Minha foto
Paulista, Pernambuco, Brazil
As vezes sou poeta. As vezes sou poesia. Folhas ao vento que viajam em pensamento. As vezes sou um sorriso e um olhar. Sou perfume da essência a igualar. As vezes sou a gota d’água que faz toda uma diferença. As vezes sou menino, as vezes sou homem. As vezes sou livre! Quero ser eu de mim mesmo. As vezes nem existo!

28 de junho de 2010

Retrato

Câmeras e cliks, lentes e flashes revelam faces rostos, revelam mascaras.
Mas não podem revelar o que há por dentro de você.
Entre diversas pessoas ti vi distraído e escolhi tirar um retrato teu, não me pergunte por quê. E com minha câmera na mão como um bom fotógrafo, escolhi um bom ângulo para que tudo ocorresse perfeitamente.
Parei... Cliquei e um flash disparou a fim de captura tua imagem.
Ansioso para ver se tinha ocorrido tudo como havia planejado, fiquei estatelado, não tive reação, fiquei em choque.  
Tive um frio na alma, pois na tua fotografia nada tinha a não ser um vazio. Naquele instante ao levantar os olhos com um simples piscar de pude sem querer tirar teu retrato.
Meus olhos fixaram em ti e lágrimas rolaram dos meus olhos ao ver na tua alma... Não! Não vou, não quero e não posso contar, mais senti tudo o que estavas passando.
Até hoje o flash que disparou dos meus olhos me condena a te lembrar, não compreendo do por que isso aconteceu comigo, talvez eu devesse ter ti dito o que acontecera.
Sabe... O retrato vazio que tirei de ti, não saberia tua reação.
Queria naquele momento ser teu verdadeiro amigo confeço queria abraçar-te, e te dar meu ombro para que repousasse tua cabeça.
Não queria ti ouvir falar, só queria que soubesse que não estavas só.
Hoje quando fecho os olhos flashes disparam em minha mente e fazem-me lembrar de teu retrato vazio, já era pra ter me livrado dele, mais não consigo ele me condena pelo fato de não saber o estado que você se encontra agora.
Flashes... Flashes... Flashes...
Condenam-me!
Estão em todos os lugares surgem como multidões me apontando, me julgando.
Droga! Eu não pedi por isso.
Eu só queria tirar mais um retrato perfeito como sempre fiz... Não sei como isso foi acontecer comigo.
Flashes... Flashes...
Para, sai da minha mente, por favor!
Preciso depressa voltar naquele mesmo lugar e um novo retrato teu tirar, assim poder te mostrar e enfim me libertar, do que a câmera não conseguiu mostrar.
... O teu retrato.
                          
                  
                                                                                               Glebson Lima

9 comentários:

Anônimo disse...

Mulher sem face, pra mim não reprensenta nada.
Pessoas assim é normal encontrarmos no nosso dia a dia; mas pessoas como Vc de grande carater não vemos com tanta facilidade.
Que o Senhor te presenrve sempre assim uma pessoa maravilhosa que Vc é e um grande poeta que Vc se revela. Te amo Amigo e Irmão.
______________Aidyne Martins___________________

gℓєвѕση' Dℓℓιмα. disse...

Amém amour!

Anônimo disse...

Nossa muito lindo,e profundo.Mas isso é apura verdade concordo com Aidyne...
Te amo feio beijão!!

__Júuh__

Anônimo disse...

Nossa o texto esta lindo Parabéns *-*
~> Leliana Sarhuam <~

gℓєвѕση Dℓℓιмα disse...

O brigado espero sempre estar trazendo algo novo para as pessoas e que elas possam tirar um proveito de tudo, uma lição. Obrigado.

jacy e marcelo disse...

tem pessoas que já nasci com o dom vc e uma dela por isso faça vale cada segundo da sua vida pois vc naseu para brilhar te adoro .... o texto ta muito lindo amei meus sinceros parabéns

Anônimo disse...

oi!! amei,como sempre,hehe.parabens cada vez mais vc s supera meu nego.bjks!!!deby

gℓєвѕση Dℓℓιмα disse...

Obrigado Deby.

JACY E MARCELO disse...

Não ligue que te olhem da cabeça aos pés,porque nunca farão sua cabeça e nunca chegarão aos seu pés!!! te adoro bjsss fica com DEUS !!!