Minha foto
Paulista, Pernambuco, Brazil
As vezes sou poeta. As vezes sou poesia. Folhas ao vento que viajam em pensamento. As vezes sou um sorriso e um olhar. Sou perfume da essência a igualar. As vezes sou a gota d’água que faz toda uma diferença. As vezes sou menino, as vezes sou homem. As vezes sou livre! Quero ser eu de mim mesmo. As vezes nem existo!

16 de novembro de 2010

Teu doce sorriso



Teu sorriso um alívio...

A felicidade que sinto quando sorrir pra mim é sem limites.

Meu universo não suporte tanta felicidade,
Teu sorriso é belo quão doce entre doces.

 Me da um sorriso e tudo que sinto é você perto.

Um pensamento teu sorriso exprime,
E me arranca suspiros inexplicáveis.

E bobo fico só com meus pensamentos,
Estou aqui, estou ali...
Me pego bobo pensando na beleza dos teus lábios,
A me ver e sentir.

Teu sorriso é minha cura,
 Cura boba que me causa a mais
Dolorosa e amável dor.

A dor da felicidade!


Glebson Lima

4 comentários:

Daniel Savio disse...

Não é só um pensamento quando ficamos assim felizes...

Fique com Deus, menino Glebson D'Lima.
Um abraço.

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Nada melhor que um sorriso. Belo poema. Um abração

leely.sarhuam disse...

Um sorriso, um abraço, um toque... talvez pela pessoa... eh confortante...!
Belo poema... Bjão fik com Deus ~> ♥ <~

Jeania Lima disse...

Lindo poema! Quanto nos diz um sorriso... quanto nos fala o pensamento...
Já estou te seguindo!
www.jeanialima.blogspot.com